Análise de Cenários Envolvendo Satisfação no Trabalho e Estresse Ocupacional Através da Dinâmica de Sistemas

Damiana Machado de Almeida, Gean Carlos Tomazzoni, Andressa Schaurich dos Santos, Glauco Oliveira Rodrigues, Eugênio de Oliveira Simonetto

Abstract


Este artigo tem por objetivo apresentar o desenvolvimento e validação de um modelo de simulação computacional que permita aos gestores da área de gestão de pessoas avaliarem e analisarem cenários acerca da satisfação no trabalho e do estresse ocupacional. A partir das relações inversamente proporcionais entre estresse e satisfação, estabeleceu-se uma associação entre as duas variáveis, considerando um impacto positivo da satisfação para a redução dos níveis de estresse. Diante da análise destas relações, percebeu-se que o aumento da satisfação em 14,8% ao longo dos 10 períodos simulados gerou uma redução nos níveis de estresse ocupacional. Assim, o estresse foi reduzido de uma média de 2,16 a um nível de 2,05. Os resultados desta pesquisa fornecem uma importante compreensão acerca das relações da satisfação no trabalho com estresse ocupacional, fornecendo um modelo de simulação que testa os impactos das ações desenvolvidas pela área de gestão de pessoas para elevar os níveis de satisfação sobre os níveis de estresse ocupacional de seus colaboradores.


Keywords


Estresse Ocupacional; Satisfação no Trabalho; Dinâmica de Sistemas

References


Abeliotis, K. et al. Decision Support Systems in Solid Waste Management: A Case Study at the National and Local Level in Greece. Global NEST Journal, v.11, n. 2, p. 117-126, 2009.

Almeida, D. M. Satisfação no Trabalho e Estresse Ocupacional na Perspectiva dos Policiais Militares do Estado do Rio Grande do Sul. 2015. 136 f. Dissertação (Mestrado em Administração) – Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2015.

BRASIL. Ministério da Saúde do Brasil. Doenças relacionadas ao trabalho. Manual de procedimentos para os serviços de saúde. Organização Pan-Americana da Saúde/Brasil. Série A. Normas e manuais técnicos, n. 114, Brasília: DF, 2001.

Chanlat, J. F. Mitos e realidades sobre o estresse dos gerentes. In: DAVEL, E.; MELO, M. C. O. L. Gerência em ação: singularidades e dilemas do trabalho gerencial. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2005.

Costa, M.; Accioly JR, H.; Oliveira, J.; Maia, E. Estresse: diagnóstico dos policiais militares em uma cidade brasileira. Revista Panamericana de Salud Pública, v. 21, n. 4, p. 217–22, 2007.

Daellenbach , H. G. E McnicklE, D.C. Decision making through systems thinking. Palgrave Macmillan, London, 2005.

Dyson, B., Chang, N.B. Forecasting municipal solid waste generation in a fast-growing urban region with system dynamics modeling. Waste Management, v.25, n.7, p.669- 679, 2005.

Ford, A. Modeling the Environment. Washington, Island Press, 2009.

Oliveira, A. L. M.; Bardagi, M. P. Estresse e comprometimento com a carreira em policiais militares. Boletim de Psicologia, v. LIX, n. 131, 2010.

Oliveira, I. A relação entre as práticas de gestão de pessoas, satisfação no trabalho e desempenho organizacional nos hotéis turísticos da zona central de Manaus. 2012. 172 f. Dissertação (Mestrado em Turismo e Hotelaria) – Universidade do Vale do Itajaí, Balneário Camboriú, 2012.

Kum, V.; Sharp, A.; Harnpornchai, N. A System Dynamics Study of Solid

Waste Recovery Policies in Phnom Penh City. The 23rd International Conference of the System Dynamics Society, Boston. Proceedings... Boston: SDS, 2005.

Law, A.M.; Kelton, W.D. Simulatin Modeling & Analysis. New York: McGraw-Hill, 1991.

Lelis, J. W. F. Estresse e satisfação no trabalho de profissionais que exercem a função de gestores na área comercial. 2013. 117 f. Dissertação (Mestrado em Administração) – Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.

Paschoal, T.; Tamayo, A. Validação da escala de estresse no trabalho. Estudos de psicologia, v. 9, n. 1, p. 45-52, 2004.

Robbins, S. P.; Judge, T. A.; Sobral, F. Comportamento Organizacional: teoria e prática no contexto brasileiro. 14 ed. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2010.

Siqueira, M. M. M. Satisfação no trabalho. In: SIQUEIRA, M.M.M. (Org.) Medidas do Comportamento Organizacional: ferramentas de diagnóstico e de gestão. Porto Alegre: Artmed, 2008.

Souza, E. R.; Minayo, M. C. S. Policial, risco como profissão:

morbimortalidade vinculada ao trabalho. Ciência & Saúde Coletiva, v. 10, n. 4, p. 917-928, 2005.

Sufian, M.A., Bala B.K. Modeling of urban solid waste management system: The case of Dhaka city. Waste Management, v.27, p.858-868, 2007.

Vasconcelos, T. S. Programas de Gerenciamento do Estresse e Qualidade de Vida no Trabalho na Área de Segurança Pública. In: ROSSI, A. M.; PERREWÉ, P. L.; Meurs, J. A (Org.). Stress e Qualidade de Vida no Trabalho: stress social – enfrentamento e prevenção. São Paulo: Atlas, 2011.

VENSIM-VENTANA SYSTEMS. Vensim Simulation Software. Disponível em: . Acesso em: 15 de junho de 2015.




DOI: https://doi.org/10.24023/FutureJournal/2175-5825/2017.v9i1.288

Article Metrics

Metrics Loading ...

Metrics powered by PLOS ALM




Copyright (c) 2017 Future Studies Research Journal: Trends and Strategies

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.

Future Stud. Res. J. e-ISSN: 2175-5825

Mailing Address: Avenida das Nações Unidas, 7221 - CEP 05425-070 - Pinheiros - São Paulo/SP - Brasil

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.